Sonho: perfume Limiar, da Natura.

Noite passada sonhei com um perfume que gostava muito na adolescência, senti até o cheiro dele durante o sono: Limiar, da Natura. Lembro da edição que vinha o frasco enorme (300ml) e nós poderíamos comprar o borrifador. Na mesma coleção tinha o Orvaille e o Ravena. Também amava esses aromas.

Desculpem a imagem com má qualidade, foi a melhor que achei que dava pra visualizar.

Imagem via
Meu perfume de uso do dia a dia está acabando. Antes eu tinha vários perfumes, mas com a priorização do dinheiro pra obra, mobília do apê e agora o baby, acabei deixando pra gastar comigo quando não tivesse mais jeito. E agora, não tem mais jeito.

Imagem via
Descobri que algumas pessoas acreditam que esse Campo de violetas ser uma nova versão do Limiar. Porém, como ele tem fragrância muito suave, eu não gosto. Esses perfumes que "parecem água" não são do meu feitio...pra ficar em casa, ir na padaria, mercado...ok, mas para o trabalho não gosto. Sou de perfumes doces, sensuais e marcantes.

Mas foi legal sentir novamente o aroma do Limiar, como quando eu era adolescente...eita lembrança boa!

Você tem algum perfume que te lembre uma época boa de sua vida? Algo como a adolescência e todas as suas aventuras e novidades?

Uma semana iluminada para todos nós!
:*

Inspiração: Atividade física.

Minha ausência aqui não é proposital, admito que administrar tempo e disposição tem sido difícil. Mas os enjoos estão bem melhores e isso tem me permitido comer melhor e voltar a treinar na academia. Acredito que minha disposição para realizar minhas atividades rotineiras também está voltando e, me parece, que de uma vez por todas.

Imagem via

Sobre isso vocês acompanharam algumas postagens minhas do ano passado pra cá, em que eu mostrei algumas dicas de dieta que eu estava seguindo pra emagrecer, perder a circunferência da desproporcional barriga que acumulei, e também um pouco do meu novo vício pelo treino na academia.

Hoje em dia as pessoas não acreditam que vou à academia, mas já pratico há dois anos e o médico só restringiu os pesos até o 5º mês. Já estou pertinho de entrar no 4º, então em breve poderei pegar um pouco de peso novamente.

" Quando a mulher tem um bom condicionamento físico antes de engravidar, ela fica com mais condições de manter um bom nível de atividade durante a gestação, já que não é hora, na gravidez, de experimentar esportes novos ou de mais impacto.

Fonte: BabyCenter

No começo da gestação eu ia à academia e pegava peso, mas eu só tinha uma leve desconfiança de que poderia estar grávida devido ao atraso. Tomava suplementos e mantinha a dieta. Atualmente estou conseguindo recuperar minha rotina, e quero reinserir caminhada já que estou proibida de correr por enquanto, por ser atividade de impacto.

Meu médico me liberou e eu não tenho qualquer sinal de que está me prejudicando ou ao bebê, então permanecerei na minha rotina de treino. As pessoas tem que entender que fazemos aquilo que gostamos, aquilo que nos adaptamos a fazer. Não quero pilates e nem hidroginástica. Mas para quem curte, são duas maravilhosas opções.

Quanto à dieta...não vou inserir gordura. Apenas o meu almoço tem sido menos calculado em carboidrato e proteína, busco comer coisas que o bebê precise pra crescer e se desenvolver. No restante do dia, muitas frutas, água, biscoitos de sal (pra ajudar com os enjoos), aipim, batata doce...

Bom, minha rotina não mudará por que as pessoas pensam que é o melhor, sendo que isso não é uma regra. Tenho condicionamento para continuar na minha rotina e cada um que busque o que é melhor pra si. Mas tudo dentro do estabelecido pelo médico e pelos limites do meu corpo.


E você, tinha/teve/tem uma rotina de exercícios que fez/faz durante a gravidez que queira compartilhar?


Uma linda quarta pra gente!
:*

Inspiração: Decoração do criado mudo.

Atualmente estou só pensando em formas boas, lindas e baratas de implementar a decoração dos criadinhos mudos que chegaram. Já estão pintados mas ainda vamos pensar em um adesivo...algo pra dar um toque neles (depois vou mostrar a vocês).

Além disso, tem a decoração. Como ele já tem uma utilidade específica, dá pra decorar com as coisas que precisamos ter ali e então, dar um toque particular. Ah! Também acho que um abajur é essencial. O detalhe é que são pequenos, e como o espaço é limitado, não podemos poluir o visual dos bichinhos. 

Trouxe algumas inspirações das minhas pesquisas, pra inspirar vocês também:

Imagem via
 Achei esse daí de cima minimalista, um abajur, um objeto de decoração e uma caneca que é algo que vai acabar indo parar sobre o criado mudo, eventualmente. Pensei em comprar uma moringa daquelas pequenas de vidro, pois bebo muita água à noite.

Imagem via
A decoração acima me remeteu ao mesmo sentido simples, mas trouxe o elemento do relógio! Algo que falta na decor aqui de casa, inclusive na cozinha. Não falo dos livros pois...o criado mudo já é pra isso mesmo (o meu já tem alguns).

Imagem via
 Esse violão me lembrou que preciso colocar o violão do marido em algum lugar, e posso usá-lo como peça decorativa talvez. Mas preciso ver se o espaço do nosso quarto não vai encolher se eu pendurar ali sobre o criado mudo.

Imagem via
Essa imagem é linda, fofa e diz que "menos é mais". Arrasou. Olha como o criado mudo está na cor da madeira! Acho que ficou tudo bem ajustado nessa combinação. Amei a luminária!

E você, tem algumas dicas bacanas ou te inspirou também?!
:**

Frase de efeito: Sartre.

Há muitos anos uma amiga questionava muito não gostar de ficar sozinha. E ela simplesmente odiava qualquer momento que tivesse que estar sozinha. Eu não conseguia entender, pois, adorava os meus momentos comigo mesmo.

Após alguma reflexão cheguei à conclusão de que ela não gostava da própria companhia, ela devia ser uma péssima companhia pra si mesma. E olha o que o Jean Paul Sartre disse:

Imagem via

Se você sente solidão quando a sós, está em má companhia.

Não é preciso ser dotado de genialidade para compreender isso. Nossos momentos a sós devem ser os melhores possíveis. São eles que nos proporcionam reflexão, compreensão de si mesmo e do mundo à nossa volta, desfrutar de coisas que você adora fazer sem ninguém para atrapalhar ou recriminar. Não é difícil, é simples. Acho que todo mundo poderia tentar.

Hoje essa minha amiga ama a própria companhia e percebeu (a duras penas) que ela não se amava. E hoje ela é a melhor companhia que ela poderia ter.

:*
Uma terça de luz!

Esmalte da vez: Hits Speciallità - Granata perolado.

Fim de semana de muita chuva por aqui, e eu simplesmente amei! Adoro todos os climas, então, nessa época em que inicia a primavera a chuva vai fechando o inverno. Aproveitei para colocar em dia algumas coisas que estavam atrasadas, entre elas pintar as unhas!

Tem tempo que não paro um instantinho só para cuidar de algo simples como as unhas:

Hits Speciallità - Granata perolado
Tem tempo que não uso esse esmalte! Tenho tantos que nem lembro as cores maravilhosas que tenho. O adesivo de unha está um pouco "velho", é outra coisa que não uso desde o ano passado, aí ele não ficou com um bom acabamento.

E o final de semana por aí, como foi?

:*
Uma semana de paz e luz pra gente!

Coisas de casa: Cabeceira capitonê.

Ahh, eu sempre quis uma cabeceira estofada pra minha cama, sempre! Agora tenho uma e foi foi feita por nós (eu e marido). Nós vimos trilhões de vlogueiras ensinando no youtube, e também profissionais de marcenaria/capotaria, e conseguimos construir nossa cabeceira por bem menos de R$ 100,00.

Esse valor baixo se deu por termos refeito a mesa da sala (já mostrei no Instagram mas semana que vem mostro a mudança aqui no blog) e, como retiramos o painel (você pode ver como era neste post), utilizamos a madeira para a cabeceira, foi necessário apenas levar na madeireira para cortar do tamanho correto.


Os materiais que usamos:


- espuma de 5cm;
- enchimento branco (que veio em forma de tecido);
- Corano branco (o tecido pra cobrir o capitonê);
- 20 botões (que levei pro capoteiro forrar com o mesmo tecido usado na cobertura do capitonê);
- 1 folha de MDF de 1,40m x 0,60m;
- Nylon (não use, prefira o fio encerado pois o nylon se parte quando grampeamos);
- Martelo;
- grampeador de estofador;
- estilete;
- cola de contato;
- trena;
- régua/esquadro;
- agulha comprida (pode ser até a de tapeçaria).

Acabei não tirando foto de todos os processos, mas primeiro medimos onde queríamos que os botões se posicionassem, utilizando a trena e uma régua para ligar os pontos e verificar a simetria. Você pode usar mais botões, assim terá ainda mais detalhes no seu capitonê. Eu quis usar só 20.



Depois de furar com a furadeira, o marido passou cola de contato na espuma e na madeira. Após secar, posicionamos a espuma sobre a madeira, colocamos tecido de enchimento branco por cima da espuma e finalizamos com o corano. Começamos a grampear ele no fundo, para poder ficar bem esticadinho:


Retiramos o excesso de corano para começar a passar os botões. Olha como ficou na frente:


Para passar os botões você complica um pouco no começo, mas depois pega a manha de achar o furo no retorno da agulha. Ela vai e volta pelo mesmo furo e depois você grampeia o nylon para dar os devidos nós, e grampeia novamente!





Pronto. Após finalizar deixei ela encostada na sala por uns dias, pois o cheiro do corano novinho é muito forte pra ter no quarto à noite. Ainda mais com o olfato ainda mais apurado do jeito que está pra mim. Após uma semana, um marceneiro nos ajudou a colocar na parede com apenas quatro ganchinhos que eles chamam de mão amiga.


Nosso quarto tá ficando lindo! Do jeito que combina conosco. Já já vão aparecer os criados mudos fofinhos aí!

Eu não fiz uma D.I.Y pois já existem muitas pelo youtube e que explicam muito bem como fazer. A dica que dou é que pesquise muito, pois, o gosto das pessoas varia muito, então é melhor você ter a certeza do material que quer usar. Optei pelo corano pois ele é fácil de limpar. Um tecido como suede ou veludo, pegaria muita poeira e não teria como tirar pra lavar e com o marido que sofre de renite alérgica, não poderia dar esse mole. Mas é opção minha.

Espero que tenha gostado!

:**
Um final de semana iluminado!